Troca de apps por 3D Touch no iOS 11 foi apenas “escondida” enquanto a Apple trabalha em alternativas

O iOS 11 ainda está em fase de testes, mas quem já testou o sistema em um iPhone 6s ou 7 provavelmente sentiu falta de um recurso: a troca de aplicativos pressionando o canto da tela com o 3D Touch. E, de fato, a própria Apple já confirmou que essa alternativa foi retirada intencionalmente, sem muita explicação. O fato curioso é que essa opção continua no sistema, porém escondida, e isso pode ser porque a empresa está trabalhando em uma nova forma de trocar de aplicativos no iPhone.

iOS 11 no iPad e iPhone.

O leitor Thiago Gabe nos enviou um vídeo mostrando que ainda é possível trocar de aplicativos usando o 3D Touch do iPhone por meio de um método não muito convencional. Por algum motivo desconhecido, o recurso continua funcionando normalmente ao habilitar o recurso de acessibilidade VoiceOver — que lê os itens na tela do aparelho para deficientes visuais e altera alguns toques e gestos do sistema.

É claro que, se tratando de uma versão de testes do iOS, a Apple pode simplesmente ter esquecido de remover essa função, mas há outra possibilidade. Enquanto o iPhone continuou com a mesma janela para a troca de aplicativos, o iPad virou destaque justamente pelas mudanças radicais em seu sistema de multitarefas. Entre várias novidades, está a Dock que pode ser acessada de qualquer lugar com apenas um gesto para cima e o principal: a Central de Controle redesenhada e integrada com a exibição dos aplicativos abertos.

Basta você arrastar um aplicativo até o topo da tela do iPad para visualizar todos os demais abertos em segundo plano, juntamente com a Central de Controles ao lado. Embora isso só esteja disponível para os tablets da Apple, nós tivemos acesso a uma configuração interna do iOS 11 utilizada pelos engenheiros da empresa que habilita essa nova forma de alternar entre os aplicativos também no iPhone.

Assim como no iPad, é só arrastar o aplicativo para cima e visualizar uma tela com todos os demais abertos. Observamos, porém, que o recurso no iPhone ainda está em um estágio muito primário. Nota-se pela imagem que conseguimos a falta do efeito de desfoque no plano de fundo e, principalmente, a Central de Controle simplesmente desaparece ao habilitar este modo no celular.

Enquanto a novidade, caso realmente seja lançada pela Apple posteriormente, deve deixar vários usuários de iPhone felizes, há um aparelho que irá se beneficiar muito com a mudança: o iPhone 8. Como muitos leitores provavelmente já sabem, o próximo iPhone deve contar com uma tela quase sem bordas, e isso infere na remoção do botão Início. Sem o botão, a Apple obrigatoriamente precisa de uma nova forma para que o usuário possa alternar e fechar seus aplicativos.

Se a Apple quer guardar segredo sobre algo que vai ser destaque de seu próximo grande lançamento, faz sentido que eles tenham desabilitado a troca de aplicativos por 3D Touch enquanto trabalham em uma nova forma para isso. Mas, novamente, é preciso reforçar: o iOS 11 ainda é um sistema em testes, e muita coisa pode mudar até a versão final. Essa configuração interna que descobrirmos pode simplesmente nunca ver a luz do dia e a Apple pode voltar atrás com o método antigo.

As respostas para isso, porém, só vamos conseguir com o tempo. Até isso acontecer, não esquente a cabeça com o que surge ou desaparece nas versões beta do iOS.

Filipe Espósito

Filipe é o criador do iHelp BR. Sempre fascinado por tecnologia, começou a se interessar pela Apple após ganhar o primeiro iPod touch, em 2007. Com a falta de conteúdos sobre a Apple no Brasil, na época, decidiu abrir o iHelp BR para compartilhar dicas e notícias. Entre seus dispositivos mais recentes estão um iPhone 6 Plus, MacBook Pro de 13 polegadas, Apple Watch Series 2 e os novos AirPods. Atualmente está cursando graduação em Jornalismo.

Publicações Recentes